SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

domingo, 1 de novembro de 2015

ROMULO REMANDO DE VOLTA À SIMPLICIDADE DAS CANÇÕES

Cantor e compositor Rômulo Fróes retoma o nascimento da canção com a simplicidade de voz e violão.  

Quem acompanha os lançamentos do cantor e compositor Rômulo Fróes, percebe que sua busca pelos samba-canções pode ter chegado ao fim, com o encontro sublime da voz com o violão.

Com disco inspirado nas vozes femininas que já interpretaram canções do compositor, ele sugere uma homenagem a todas mulheres que entoaram suas tortas letras. Entre elas estão nomes como Elza Soares, que gravou 'Comigo' e 'A mulher do fim do mundo' no álbum de mesmo nome; Mariana Aydar com 'Porto', 'Nada disso é pra você' que a cantora gravou nos álbuns mais recentes da carreira, respectivamente.

Além de Juçara Marçal com 'Queimando a língua' e 'Presente de casamento' que apareceram no álbum 'Encarnado' – sem falar de outros nomes como Nina Becker com 'Flor vermelha', Manuela Rodrigues com 'Uma outra qualquer por ai', Juliana Perdigão com 'Cidade baixa' e Natália Matos com 'Um amor de morrer'.

De forma simples e eficiente, Rômulo apresenta nova versão da própria canção – sempre ecoando a interpretação da cantora original. Incrível como cada obra original permeia todas canções.

2015 Por Elas Sem Elas

1. Porto
2. Flor vermelha
3. Nada disso é pra você
4. Uma outra qualquer por aí
5. Um amor de morrer
6. Presente de casamento
7. Comigo
8. Cidade baixa
9. Mulher do fim do mundo
10. Queimando a língua

Nenhum comentário: