domingo, 29 de agosto de 2010

THE BLACK MISTY MOUNTAIN SIDE

Parem as prensas!!! O disco novo do ‘Black Mountain’ vazou... Subiu pelo lado negro da montanha enevoada e se espalhou pela internet até os players do mundo todo.

Pra quem curte o som “ledzeppeliano” com pitadas de “blacksabbath”, meio “jeffersonairplane”, “neilyoung” e tudo mais a ver com rock psicodélico do terceiro milênio... A banda é canadense, como os conterrâneos do ‘Wolfmother’, e também fazem um stoner-rock da melhor qualidade.

A banda lançou um EP em 2005, seguido pelo elogiado álbum de estréia. O segundo disco, veio em 2008, provando que a banda era mais que um fenômeno de um só álbum. O esperado terceiro disco, ‘Wilderness Heart’, tem lançamento previsto para 14 de setembro, mas já está vagando – com vida própria – pela internet.

O álbum começa com ‘The hair song’, que poderia muito bem ter sido composta pela dupla “Page/ Plant”. Mas a voz feminina, de Amber Weeber, mostra que não é bem um zepelim, nem mesmo um “airplane” que você ouve ao longe, mas sim um som fresquinho na vitrolinha. Um legítimo encontro das guitarras do ‘Black Sabbath’ com os vocais fortes do ‘Jefferson Airplane’.

Desde Grace Slick do ‘Jefferson Airplane’, que não havia uma voz feminina tão poderosa cantando rock’n’roll numa banda de rock’n’roll. Nem venham com ‘Cramberies’ ou ‘Garbage’, que nenhuma dessas vozes têm o poder e o alcance da Amber. Ouçam ‘Rollercoaster’ e comprovem... Se não for pelos vocais, deve valer com certeza pelo solo de guitarra setentista, no final da faixa.

‘Let spirits ride’ é puro ‘Black Sabbath’, tanto que você consegue ouvir ecos de ‘Paranoid’. O disco encerra com o que seria um lado ‘B’ – caso fosse vinil – mais recheado de canções folks, como se fosse o ‘Volume III’, com exceção de ‘Wilderness heart’ que é um potente rock “canadian style”.



‘Old fangs’ – a música de trabalho – mostra um riff poderoso e clima psicodélico, que vai crescendo até encerrar. A balada ‘Radiant hearts’ apresenta um belo dueto entre Amber e Stephan McBean, que além de cantar, é o guitarrista.

Se este petardo lhe interessar... Dê uma olhada nos outros discos da banda, inclusive o EP, lançado no mesmo ano do álbum de estréia.

2010 Wilderness Heart

1. The hair song
2. Old fangs
3. Radiant hearts
4. Rollercoaster
5. Let spirits ride
6. Buried by the blues
7. The way to gone
8. Wilderness heart
9. The space of your mind
10. Sadie

Abaixar

2008 In The Future

1. Stormy high
2. Angels
3. Tyrants
4. Wucan
5. Stay free
6. Queens will play
7. Evil ways
8. Wild wild
9. Bright lights
10. Night walks

Abaixar

2005 Black Mountain

1. Modern music
2. Don't run our hearts around
3. Druganaut
4. No satisfaction
5. Set us free
6. No hits
7. Heart of snow
8. Faulty times

Abaixar

2005 Druganaut (EP)

1. Druganaut (Extended mix)
2. Buffalo swan
3. Bicycle man
4. No satisfaction (Campfire version)

Abaixar

domingo, 22 de agosto de 2010

VANDRÉ É O CARALHO! MEU NOME AGORA É GERALDO PEDROSA, PORRA!

A história deste homem é um dos mistérios mais mal contados, de toda a história da música brasileira. Este mito começou nos anos de chumbo da ditadura militar brasileira.

Geraldo Pedroso de Araujo Dias nasceu em João Pessoa no ano de 1935, mudou-se para o Rio de Janeiro em 1951, onde cursou direito na UERJ (antes Universidade do Estado da Guanabara). A carreira musical de Geraldo Vandré começou meio na bossa nova – quer dizer com a turma da bossa nova – mas a influência do jazz já era forte em Vandré, que em 1964 lançou o primeiro LP.

Em 1966, sua banda de apoio o Trio Novo, formada por Theo de Barros, Heraldo do Monte e Airto Moreira. Mais tarde o trio virou ‘Quarteto Novo’ ao ganhar um novo integrante, Hermeto Pascoal, que inclusive compôs em parceria de Vandré, a legendária canção ‘O ôvo’ gravada no LP do ‘Quarteto Novo’. O que nem todo mundo sabe é que a canção tem letra e às vezes Hermeto canta nos shows. “Eu tenho uma galinha que põe 100 ovos por mês, mas não consigo entender porque vem três de cada vez. No meu quintal tinha 50 mil galinhas e vendi tudo pra vizinha, Mariquinha. Agora só fiquei com um pintinho novo e comecei tudo de novo com o ôvo”.

Nesse mesmo ano, Vandré apresentou ao vivo a canção ‘Pra não dizer que não falei das flores (caminhando)’. Foi nesse momento que o mito começou... Com medo da repressão da ditadura, Vandré se auto-exilou no Chile. Dizem que o cantor foi torturado, castrado, lobotomizado, que ao retornar ao Brasil anunciou a morte de Geraldo Vandré. Vive até hoje como Geraldo Pedrosa, recluso e solitário, sempre negando os mitos envolvendo o personagem Vandré. Compôs até uma valsa poema em homenagem à FAB, ‘Fabiana’, o que apenas reforça todos esses boatos.

Reza uma outra lenda, que Vandré soube que os militares estavam em seu encalço, na véspera de uma apresentação em Brasília, em que ia ser acompanhado pelo Quarteto Livre, que tinha como integrante outro Geraldo, o Azevedo. Geraldo Azevedo compôs em parceria com Vandré a bela ‘Canção da despedida’, baseada nesse episódio.

Quem sabe um dia, o Vandré volte de onde quer que estiver, neste auto-exílio mental ao que se propôs... Quem sabe ele volte tocando guitarra, eletrificando em disparada...

Porra Vandré! A vida não se resume a festivais...

1964 Geraldo Vandré

1. O menino das laranjas
2. Berimbau
3. Ninguém pode mais sofrer
4. Canção nordestina
5. Depois é só chorar
6. Samba em prelúdio
7. Fica mal com Deus
8. Quem é homem não chora
9. Tristeza de amar
10. Só por amor
11. Pequeno concerto que ficou canção
12. Você que não vem

Abaixar

1965 Hora de Lutar

1. Hora de lutar
2. A maré encheu
3. Despedida de Maria
4. Dia de festa
5. Ladainha
6. Asa branca
7. Samba de mudar
8. Canta Maria
9. Aruanda
10. Vou caminhando
11. Canto de mar
12. Sonho de um carnaval

Abaixar

1966 5 Anos de Canção

1. Porta estandarte
2. Depois é só chorar
3. Tristeza de amar
4. Réquiem para matraga
5. Canção do breve amor
6. Fica mal com Deus
7. Rosa flor
8. Pequeno concerto que virou canção
9. Se a tristeza chegar
10. Canção nordestina
11. Ninguém pode mais sofrer
12. Quem quiser encontrar o amor

Abaixar

1967 Quarteto Novo (como compositor)

1. O ôvo
2. Fica mal com Deus
3. Canto geral
4. Algodão
5. Canta Maria
6. Síntese
7. Misturada
8. Vim de Sant'Ana
9. Ponteio
10. O cantador
11. Zanzibar

Abaixar

1968 Canto Geral

1. Terra plana
2. Companheira
3. Maria Rita
4. De serra, de terra e de mar
5. Cantiga brava
6. Ventania (de como um homem perdeu seu cavalo e continuou andando)
7. O plantador
8. João e Maria
9. Arueira
10. Guerrilheira

Abaixar

1968 Compacto

1. Pra não dizer que não falei das flores (caminhando)
2. Fica mal com Deus

Abaixar

1973 Das Terras de Benvirá

1. Na terra como no céu
2. Das terras de benvirá
3. Vem, vem
4. Canção primeira
5. De América
6. Sarabanda (a festa do lobisomem)
7. Maria memória da minha canção
8. Bandeira branca

Abaixar

1979 Geraldo Vandré (Coletânia)

1. Pra não dizer que não falei das flores (caminhando) - ao vivo
2. Porta estandarte
3. Depois é só chorar
4. Tristeza de amar
5. Réquiem Para Matraga
6. Canção do breve amor
7. Fica mal com Deus
8. Rosa Flor
9. Pequeno concerto que virou canção
10. Se a tristeza chegar
11. Canção nordestina
12. Ninguém pode mais sofrer
13. Quem quiser encontrar o amor
14. Pra não dizer que não falei das flores (caminhando) - estúdio
15. Menino das laranjas
16. Quem é homem não chora
17. Berimbau
18. Samba em prelúdio

Abaixar

1984 Paixão Segundo Cristino (como compositor)

1. Paixão segundo Cristino parte 1
2. Paixão segundo Cristino parte 2

Abaixar

domingo, 15 de agosto de 2010

O QUE É QUE A GUITARRA BAIANA TEM?

A guitarra baiana tem lambada, tem cumbia, tem merengue. Tem reggae e guitarrada e dub também. Tudo isso misturado com carnaval...

Robertinho Barreto criou o conceito de colocar a guitarra baiana em novos contextos. Roberto sempre sentiu a necessidade de misturar tendências, como no caso de sua banda os ‘Lampirônicos’ e agora com o ‘BaianaSystem’.

Esse é o tipo de música que bota pra ferver o carnaval da Bahia, com toda essa malemolência e suingue. O disco tem os ritmos descritos no primeiro parágrafo, e tudo muito bem misturado, para o caldo desembocar ladeira abaixo. Esse é o futuro do carnaval... Esse é o futuro da guitarra baiana...

O que é o BaianaSystem?

O ‘BaianaSystem’ não é necessariamente uma banda. Não tem esse formato. Apesar de que os músicos que estão envolvidos são fundamentais na construção do som e são fixos do projeto. Mas penso no ‘BaianaSystem’ como um projeto musical que tem a guitarra baiana como ponto de partida, e pode ter várias vertentes além da banda em si. Outras coisas que estou produzindo como trilhas e trechos para a produção visual, são entendidos como ‘BaianaSystem’ tb. As vezes posso fazer um show com Chico Corrêa e Russo Passapusso por exemplo, mas o conteúdo é Baiana sacou? rsrsrs.

Como surgiu o BaianaSystem?

O ‘BaianaSystem’ surgiu da necessidade de colocar a guitarra baiana em outros contextos, e trazer ela pra uma linguagem mais atual, com repertório inédito e que dialogue com outros estilos musicais, sem ficar presa a um mesmo universo, tanto de sonoridade quanto de repertório. Eu já vinha utilizando a guitarra baiana em outros trabalhos, como o ‘Lampirônicos’ (banda da qual sou um dos fundadores), como músico no trabalho de Ramiro Musotto e em projetos especiais como um show de música indiana. Nesse tempo veio naturalmente surgindo um repertório inédito a partir da guitarra baiana, e que foi tomando corpo e com a colaboração direta das pessoas que hoje fazem parte do projeto (inclusive a parte visual), fomos achando o caminho do ‘BaianaSystem’.

Como você definiria o som do Baiana System? – porque tem música que é uma guitarrada baiana... mas ao mesmo tempo tem dub, merengue etc.

Pois é isso mesmo. rsrsrsrs. Não sei bem como definir, mas tem tudo isso mesmo. Apesar de eu falar neste novo contexto para a guitarra, o carnaval é uma influência e referência muito grande. O carnaval, as festas de largo e o trio elétrico como linguagem, e nesse contexto sempre teve de tudo, merengue, reggae, guitarrada, blocos afro, percussão etc. Talvez a referência menos presente nisso seja mesmo o DUB e as timbragens mais vintage.

O disco foi feito com um monte de participações... Quais foram?

Bom além de músicos bem variados como Kabo Duca (percussão) Tony Duarte e Betinho Macedo (baixo), André Luiz Oliveira (Sitar) e Chico Corrêa, que produziu uma das faixas e gravou em outras, teve participações de artistas que acho tem muito a ver com o universo popular e a linguagem de rua vamos dizer assim.

Teve Roberto Mendes, Gerônimo, Lucas Santtana (que é tb autor de uma das faixas e participa de outra como "locutor de trio" rsrs) e de B Negão, que além do disco vem participando com o ‘Baiana’ de vários shows, e se tornou um grande parceiro mesmo. Musical e espiritual.

Além claro da base do ‘Baiana’ que é Russo Passapusso nos vocais e Marcelo Sêco, baixista, que tb é produtor do disco junto comigo e Andre T, grande músico e produtor daqui de Salvador.

Tem uma música no disco, chamada ‘Da calçada pro Lobato’, que é dedicada ao Pio Lobato. Tem alguma coisa a ver com o ‘Recado pro Lúcio Maia’ do Lobato? Ou com a resposta do Lucas Santtana em ‘Recado pro Lobato’? - Já existe uma resposta do Lúcio Maia, ‘Recado pro Lobato, extensivo ao Lucas Santtana’).

Mais ou menos... Na verdade quando soube da música do Lucas para o Lobato, eu já tinha feito essa pensando no Pio - sem o nome lógico de ‘Recado...’. Eu e Pio tínhamos tocado juntos e feito um workshop de guitarra baiana e guitarrada e começamos um projeto chamado ‘Trio Fuleráge’ , com Patrick Torquato. Ficou só no projeto por enquanto... rsrsrsrs. Fizemos algumas músicas, trocamos bases e idéias, mas não se concretizou ainda... Pio tb tinha feito uma participação no último disco dos ‘Lampirônicos’, uma vinheta, eu e ele tocando... Mas eu achava que tinha de fazer uma guitarrada de guitarra baiana pra fechar isso, e saiu essa. Que eu tb brinquei com esse lance do Pio piuuu do trem... E Calçada é um bairro aqui em Salvador, onde tem uma estação de trem, que passa pelo Lobato, outro bairro do subúrbio ferroviário... rsrsrsrs.

Pra vocês, sendo banda independente, como fica essa questão de free-downloads?

Não vejo problema nisso mesmo. A prática tem sido assim com todos. Ninguém deixa de comprar um disco que gostou porque já baixou. Serve mesmo como uma divulgação, e quem gosta corre atrás pra comprar, ou em shows ou na internet mesmo. Ainda mais quando o CD físico tem algum diferencial, como uma produção visual bacana, que traduza tb o que se quer dizer com a música. No caso do ‘Baiana’, a concepção visual feita por Filipe Cartaxo, é muito importante para o projeto como um todo. Não só no CD, como as coisas que vão para o show e a nossa comunicação. Então acho que quem curte quer ter um, e quem não quiser e baixar pra ter acesso e conhecer, é válido tb. Acho que é um ciclo mesmo, e o resultado é que muita gente conhece o som antes de ir pros shows, o que é legal pra todo mundo.

E quais são os planos pro BaianaSystem?

Tocar mais e mais pra amadurecer o que se tem na cabeça. Acho que ainda estamos no início do que podemos render com essa linguagem, e com o instrumento em si também.

2010 BaianaSystem

1. Nesse mundo
2. Oxe, como era doce
3. Barra avenida
4. Amerikha expressa
5. Da calçada pro Lobato
6.- Bembadub
7. Jah jah revolta
8. Systemafobica
9. Vinheta baiana
10. Frevofoguete
11. O carnaval quem é que faz?
12. Jah jah revolta (aDUBada)
13. Frevofoguete (aDUBada)

Abaixar

domingo, 8 de agosto de 2010

OBA OBA OBA JORGE... JOORGEEE...

O que eu posso falar do Jorge Benjor, que já não foi dito? Ou que todo mundo já saiba? Então só vou lembrar que ele acrescentou ‘Jor’ ao sobrenome, por conta de direitos autorais - que estavam se perdendo e indo parar na conta do gringo George Benson.

Os acordes do seu violão se integram às letras das canções e formavam puro ritmo e belas melodias. Jorge sozinho ao violão já é uma banda inteira. O que Jorge fazia e tocava não era mistura de maracatu com samba, estava mais para heavy samba, com uma levada sensacional ao violão. O som tinha rock, funk, samba, com uma batida diferente e envolvente.

Hoje ao invés do violão, Jorge usa uma guitarra e continua enlouquecendo multidões nos shows pelo país inteiro. Recentemente, Benjor regravou 'Umbabarauma' com produção de Daniel Ganjaman do 'Instituto' e participações de gente como DJ Zegon, Mano Brown e as 'Negresko Sis' (Thalma de Freitas, CéU e Anelis Assumpção).



1963 Samba Esquema Novo

1. Mas, que nada
2. Tim dom dom
3. Balança pema
4. Vem morena, vem
5. Chove chuva
6. É só sambar
7. Rosa, menina Rosa
8. Quero esquecer você
9. Uala ualalá
10. A tamba
11. Menina bonita não chora
12. Por causa de você, menina

Abaixar

1964 Ben é Samba Bom

1. Descalço no parque
2. Onde anda o meu amor
3. Bicho do mato
4. Vou de samba com você
5. Samba legal
6. Ôba lá lá
7. Gabriela
8. Zope Zope
9. Saída do porto
10. Dandara hei
11. Samba menina
12. Guerreiro do rei

Abaixar

1964 Sacudin Ben Samba

1. Anjo azul
2. Nena Naná
3. Vamos embora Uau
4. Capoeira
5. Gimbo
6. Carnaval triste
7. A Princesa e o plebeu
8. Menina do vestido coral
9. Pula baú
10. Jeitão de Preto Velho
11. Espero por você
12. Não desanima não

Abaixar

1965 Big Ben

1. Na Bahia tem
2. Patapatapatá
3. Bom mesmo é amar
4. Deixa o menino brincar
5. Lalari – olalá
6. Jorge Well
7. O homem, que matou o homem, que matou o homem ma
8. Quase colorida (Veruschka)
9. Maria Conga
10. Acendo o fogo
11. Telefone de brotinho
12. Agora ninguém chora mais

Abaixar

1967 O Bidu Silêncio no Brooklin

1. Amor de carnaval
2, Nascimento de um príncipe africano
3. Jovem samba
4. Rosa mais que nada
5. Canção de uma fã
6. Menina gata Augusta
7. Toda colorida
8. Frases
9. Quanto mais te vejo
10. Vou andando
11. Sou da pesada
12. Si manda

Abaixar

1969 Jorge Ben (& Trio Mocotó)

1. Criola
2. Domingas
3. Cadê Tereza
4. Barbarela
5. País tropical
6. Take it easy my brother Charles
7. Descobri que sou um anjo
8. Bebete vãobora
9. Quem foi que roubou a soupeira de porcelana chinesa
10. Que pena
11. Charles anjo 45

Abaixar

1970 Força Bruta (& Trio Mocotó)

1. Oba lá vem ela
2. Zé Canjica
3. Domenia domingava num domingo linda toda de branco
4. Charles Jr.
5. Pulo pulo
6. Apareceu Aparecida
7. O telefone tocou novamente
8. Mulher brasileira
9. Terezinha
10. Força bruta

Abaixar a parte 1
Abaixar a parte 2

1971 Negro é Lindo

1. Rita Jeep
2. Porque é proibido pisar na grama
3. Cassius Marcello Clay
4. Cigana
5. Zula
6. Negro é lindo
7. Comanche
8. Que maravilha
9. Maria Domingas
10. Palomaris

Abaixar

1972 Ao Vivo no Japão/ On Stage (& Trio Mocotó)

1. Mas que nada
2. Charles Jr.
3. Que pena
4. Take it easy my brother Charles
5. Domenica domingava num domingo linda toda de branco
6. Apresentação
7. Oba lá vem ela
8. Zazueira
9. Chove chuva
10. Quem foi que roubou a soupeira de porcelana chinesa
11. Cadê Tereza
12. Pandeiro zabumba batucada
13. Pulo pulo
14. Hino do Flamengo/ País tropical
15. Banana bananeiro
16. Tá na hora
17. Domingas
18. Cidade maravilhosa/ Hino do Flamengo

Abaixar a parte 1
Abaixar a parte 2
Abaixar a parte 3
Abaixar a parte 4
Abaixar a parte 5

1972 Ben

1. Morre o burro fica o homem
2. O circo chegou
3. Paz e arroz
4. Moça
5. Domingo 23
6. Fio Maravilha
7. Quem cochicha o rabo espicha
8. Caramba
9. Que nega é essa
10. As rosas eram todas amarelas
11. Taj Mahal

Abaixar

1973 10 Anos Depois

1. Por causa de você, menina/ Chove chuva/ Mas que nada
2. Agora, ninguém chora mais/ Charles, anjo 45/ Caramba!... Galileu da Galileia
3. A minha menina/ Que maravilha/ Zazueira
4. Bebete vãobora/ Crioula/ Cadê Tereza
5. País tropical/ Fio Maravilha/ Taj Mahal
6. Vendedor de bananas/ Cosa nostra/ Bicho do mato
7. Que nega é essa/ Que pena/ Dominga
8. Vinheta

Abaixar

1973 Jazz Potatoes (Raridades)

1. Cosa nostra
2. Jazz potatoes
3. Hino do Flamengo
4. Queremos guerra
5. Aminha menina
6. A lua é minha
7. Sem essa nº 5
8. Lá vem Salgueiro
9. O sabor poético da literatura de cordel

Abaixar

1974 A Tábua de Esmeralda

1. Os alquimistas estão chegando os alquimistas
2. O homem da gravata florida
3. Errare humanun est
4. Menina mulher da pele preta
5. Eu vou torcer
6. Magnólia
7. Minha teimosia, uma arma pra te conquistar
8. Zumbi
9. Brother
10. O namorado da viúva
11. Hermes Trismegisto e sua celeste Tábua de Esmeralda
12. Cinco minutos

Abaixar

1975 Gil e Jorge - Ogum Xangô

1. Meu glorioso São Cristóvão
2. Nega
3. Jurubeba
4. Quem mandou (pé na estrada)
5. Taj Mahal
6. Morre o burro, fica o homem
7. Essa é pra tocar no rádio
8. Filhos de Gandhi
9. Sarro

Abaixar

1975 Dal Vivo al Sistina

1. Pais tropical
2. Caramba
3. Mas, que nada
4. Criola
5. Taj Mahal
6. Fio Maravilha
7. Luciana
8. Que maravilha
9. Domingas
10. Zazueira

Abaixar

1975 Solta o Pavão

1. Zagueiro
2. Assim falou Santo Tomaz de Aquino
3. Velhos, flores, criancinhas e cachorros
4. Dorothy
5. Cuidado com o bulldog
6. Para ouvir no rádio (Luciana)
7. O rei chegou, viva o rei
8. Jorge de Capadócia
9. Se segura malandro
10. Dumingaz
11. Luz polarizada
12. Jesualda

Abaixar

1975 Jorge Ben à l'Olympia

1. Bebete vãobora/ Crioula/ Cadê Tereza/ Helo
2. Zazueira
3. Por causa de você, menina/ Chove chuva/ Mas que nada
4. Taj Mahal
5. Os alquimistas estão chegando os alquimistas
6. Fio Maravilha
7. Luciana (para ouvir no rádio)
8. Caramba

Abaixar

1976 África Brasil

1. Ponta de lança africano (Umbabarauma)
2. Hermes Trismegisto escreveu
3. O filósofo
4. Meus filhos, meu tesouro
5. O plebeu
6. Taj Mahal
7. Xica da Silva
8. A história de Jorge
9. Camisa 10 da Gávea
10. Cavaleiro do cavalo imaculado
11. África Brasil (Zumbi)

Abaixar

1977 Tropical

1. Taj Mahal
2. Os alquimistas estão chegando os alquimistas
3. Chove chuva
4. Georgia
5. O namorado da viúva
6. My lady
7. Jesus de Praga
8. Mas, que nada
9. País tropical

Abaixar

1978 A Banda do Zé Pretinho

1. A banda do Zé Pretinho
2. Troca troca
3. Bom dia, boa tarde, boa noite amor
4. Cadê o penalty
5. Minha estrela é do oriente
6. Treze pontos
7. Menino Jesus de Praga
8. Amante amado
9. Berenice
10. Denize Rei
11. Viva São Pedro

Abaixar

1979 Salve Simpatia

1. Boiadeiro
2. Ive Brussel (& Caetano Veloso)
3. Adelita
4. Waldomiro Pena
5. Salve simpatia
6. Menina crioula
7. Occulatus Abis
8. Cantileñas de São Victor

Abaixar

1980 Alô, Alô Como Vai

1. A Cegonha me deixou em Madureira
2. Alô, alô, como vai?
3. Georgia e Jorge
4. Solitário surfista
5. Ma Ma Ma Ma Mãe (a língua dos anjos)
6. Cae Cae Caetano
7. Lady Benedicta
8. Mona Lisa, Mona Lisa (ciúmes de Leonardo)
9. Olha a pipa

Abaixar

1981 Bem-Vinda Amizade

1. O dia que o sol declarou o seu amor pela terra
2. Santa Clara clareou
3. Oé oé faz o carro de boi na estrada
4. Era uma vez um aposentado marinheiro
5. Lorraine
6. Curumin chama cunhãtã que eu vou contar (todo dia era dia de índio) 7. Katarina, Katarina
8. Ela mora em Matogrosso fronteira com o Paraguai
9. Para que digladiar
10. Luiz Wagner Guitarreiro

Abaixar

1982 Energia ao Vivo

1. A banda do Zé Pretinho
2. Curumim chama Cunhatã que eu vou contar (& Baby Consuelo)
3. Santa Clara clareou
4. Lorraine (& Tim Maia)
5. Luiz Wagner Guitarreiro (& Luis Wagner)
6. Taj Mahal
7. Katarina, Katarina/ País Tropical (& Fabio Jr.)
8. Ive Brussel (& Caetano Veloso)
9. O dia em que o sol declarou o seu amor pela terra
10. Que pena (& Gal Costa)

Abaixar

1983 Dádiva

1. Eu quero ver a rainha
2. Conquero
3. Dádiva Dadá
4. Taj Mahal/ Filho Maravilha/ País tropical
5. A loba comeu o canário
6. Ana Tropicana
7. Energia bom bom
8. Rio Babilônia
9. O reino encantado do amor

Abaixar

1985 Sonsual

1. Senhora dona da casa
2. A rainha foi embora
3. Irene cara mia
4. My little brother
5. Obsessão meu amor
6. Bizantina bizância
7. Pelos verdes mares
8. Me chamando de paixão
9. Os cavaleiros do Rei Arthur
10. Abenção mamãe, abenção papai
11. Hooked on samba
12. A terra do filho do homem (Jerusalém)

Abaixar

1986 Ben Brasil

1. Roberto corta essa
2. Ladrão batuta
3. O amante vigilante africano
4. A fonte de Paulus V
5. Sasaci Pererê
6. Gabriel guerreiro galáctico
7. Elizabeth Blue
8. Pancada de amor não dói
9. Dança que isso é sambafoxé
10. Procura-se uma noiva

Abaixar

1989 Benjor

1. Pega ela de montão
2. Miss X
3. Homem do espaço
4. Um avião me informou
5. Norma Jean
6. Homem de negócios
7. Cowboy Jorge
8. Mama África
9. Cabelo

Abaixar

1992 Live in Rio

1. Salve simpatia/ A banda do Zé Pretinho
2. Santa Clara clareou/ Zazueira
3. Selassiê/ Chove chuva
4. País tropical/ Spyro Gira
5. Que maravilha
6. W/Brasil (chama o síndico)
7. Charles anjo 45/ Caramba... Galileu da Galiléia/ Cadê Tereza?/ Miudinho
8. Ela mora na Pavuna
9. Zagueiro/ Umbabarauma (ponta de lança africano)
10. Filho Maravilha
11. Berenice/ O telefone tocou novamente/ Denise Rei/ Que pena/ O dia que o sol declarou seu amor pela terra
12. Taj Mahal

Abaixar

1993 23

1. Alcohol
2. Eu sou cruel
3. Engenho De Dentro
4. Moça bonita
5. Mulheres no volante
6. Cowboy Jorge
7. Bumbo da Mangueira
8. Princesa
9. Goleiro (eu vou lhe avisar)
10. Spirogyra story

Abaixar

1993 Mestres da MPB

1. Salve simpatia/ A banda do Zé Pretinho
2. Santa Clara clareou/Zazueira
3. Selassiê/ Chove chuva
4. País tropical/ Spyro gyro
5. Que maravilha
6. W-Brasil (chama o síndico)
7. Charles anjo 45/ Caramba... Galileu da Galiléia/ Cadê Tereza?/ Miudinho
8. Ela mora na Pavuna
9. Zagueiro/ Umbabarauma (ponta de lança africano)
10. Menina sarará/ Mas que nada
11. Filho Maravilha
12. Berenice/ O telefone tocou novamente/ Denise Rei/ Que pena/ O dia em que o sol declarou seu amor pela terra
13. Taj Mahal

Abaixar

1995 Homosapiens

1. Ave anjos angeli
2. Gostosa
3. Maria Luiza
4. Rabo preso
5. Gertrudes Bonhausen
6. Homo
7. Musas de Bruxelas
8. Little black Joe’s band
9. Ubirani Ubiraci
10. Café

Abaixar

1996 World Dance

1. Pisada de elefante (radio version)
2. W/Brasil (club dance version)
3. Dzarm (radio version, elétrica)
4. A banda do Zé Pretinho (radio version)
5. Fio Maravilha (club dance version)
6. País tropical (radio version)
7. Spirogyra story (club dance version)
8. Alcohol (radio version)
9. Engenho de dentro (club dance version)
10. Taj Mahal (club dance version)
11. Dzarm (radio version, acústica)
12. Filho Maravilha (radio version)
13. Pisada de elefante (club dance version)

Abaixar

1997 Música para Tocar no Elevador

1. Que maravilha
2. Cuidado com o bulldog
3. Domenica domingava num domingo lindo/ Mulher brasileira
4. Quem cochicha o rabo espicha
5. Se manda (si manda)
6. A cegonha me deixou em Madureira
7. Por causa de você menina/ Mas, que nada
8. O namorado da viúva
9. Bebete vãobora
10. O homem da gravata florida
11. Charles, anjo 45
12. Charles Jr.
13. Alfredin
14. Minha princesa
15. Homo sapiens

Abaixar

2002 Admiral Jorge (Acústico MTV)

Disco 1
1. Jorge de Capadócia
2. Roberto corta essa
3. Ponte de lança africano (Umbabarauma)
4. Balança pema
5. Comanche
6. O vendedor de bananas/ Cosa nostra
7. O circo chegou
8. Ive Brussel
9. O namorado da viúva
10. Take it easy my brother Charles
11. Zazueira

Disco 2
1. Mas, que nada
2. Por causa de você, menina/ Chove chuva
3. Que maravilha
4. Menina mulher da pele preta/ O telefone tocou novamente
5. Que pena (ela já não gosta mais de mim)
6. País tropical/ Spyro gyro
7. W/Brasil (chama o síndico)
8. Os alquimistas estão chegando os alquimistas
9. Filho Maravilha
10. Taj Mahal

Abaixar

2004 Reactivus Amor Est (Turba Philosophorum)

1. Mexe mexe
2. Gabriel, Rafael, Miguel
3. O Rei é rosa cruz
4. São e salvos
5. Zé Blueman
6. História do homem
7. Janaína Argentina
8. Eu bem que lhe avisei
9. Tupirambás
10. O nome do Rei é Pelé
11. Desligado
12. Hoje é dia de festa
13. Maria Helena e Chiquinho
14. Funk Astrid
15. Turba philosophorum
16. C 589

Abaixar

2007 Recuerdos de Asuncion 443

1. Falsa magra
2. Zenon Zenon
3. Usted és mi marrón glasé
4. O astro
5. Saint Leibowitz
6. Heavy samba (para um poeta amigo meu)
7. Miss mexe Gal
8. Gama gush
9. Duas mulheres
10. Emo

Abaixar

Jorge Ben Compactos
1968 Queremos guerra/ Aminha menina
1968 Salve-se quem puder/ Te Te (Te Te Te Te Tereza)
1969 Jorge Ben & Toquinho: Que maravilha/ Carolina Carol bela
1970 O Som do Pasquim - Jorge Ben & Trio Mocotó: Cosa nostra
1973 Jazz potatoes/ Hino do Flamengo
1973 O circo chegou/ Lá vem Salgueiro/ Tô com Deus, tô com amor/ Bahia, berco do Brasil
1978 Jorge Ben & Patrick Hernandez: Someone's Stepping on my Mushrooms
1981 Georgia e Jorge/ A cegonha me deixou em Madureira/ Alô, alô como vai/ Waimea 55.000
1983 Compacto Lorella

Abaixar