SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

domingo, 28 de abril de 2013

SPACED NIGHTS LOVES DANCER LASERS

'Space Night Love Dance Laser' é uma força da natureza. Um fenômeno de Brasília. Não dá nem para explicar. É inexplicável.


Sistema Criolina é a marca. O produto é 'Space Night Love Dance Laser', banda formada por Djs da famosa festa da capital e músicos de grupos, vertentes e estilos diferentes – dos quais integrantes dos 'Móveis Coloniais de Acaju', 'Toró de Palpite' e até da extinta 'Tuba Antiatômica do Planalto', entre outros.

Com formação flutuante, os integrantes fixos são Rafael “El Capitan” Oops nas programações eletrônicas, Dillo “Dedos” Daraujo nas guitarras, Esdras Nogueira no sax, Alexandre “Xande” Bursztyn no trombone, Rodrigo “Barata” Tavares na bateria e percussão e Anderson Nigro na bateria, mas com participações de Vavá “Galante” Afiouni no baixo, Luiz “Espiga” Rocha no clarinete, e Ivan “Nancy” Bicudo na guitarra ebow.

O som deles é um caldeirão de referências dançantes que vão desde batidas eletrônicas à fanfarra do leste europeu, com diversos ritmos brasileiros, como lambada, côco, frevo e repente. A canção que abre o álbum, 'Ivani 2000' tem uma levada pop meio “16 toneladas”.

'Mariola' remete ao doce popular para criar uma atmosfera lúdica entre o cavaquinho de Guilherme Campos, sopros, percussões e as programações eletrônicas. 'Chove no eixinho' conta com a participação da dupla maranhense Alê Muniz e Luciana Simões, do Criolina(MA). A faixa é um repente tecnocôco na forma de um trava-línguas moderno ecoando um mantra com o auxílio da sanfona matadeira de Junior Ferreira.

Pequi é fruta do cerrado brasileiro, que também dá nome a faixa 'Pequi week bar', uma tecnocumbia com guitarrada, com o trompete salseiro de Wesbonny Rodrigues e o teclado de Gustavo Cochlar. Em 'Tema do Aparelhinho' a trupe enaltece o carnaval de rua brasiliense com o hino deste mesmo bloco carnavalesco. A música é um legítimo frevo de rua com pitadas de lambada e samba-reggae, ritmos tão característicos dessa época do ano.

'Lambada classe A', a única canção não autoral do disco, é um verdadeiro clássico de Aldo Sena, um dos mestres da guitarrada paraense. Desafio qualquer um a ouvir e não bater o pézinho. 'Amor demais' entrega realmente amor demais. É tanto amor, “somente amor”, que dá a impressão de uma épica balada dos balcãs.

'Wata côco' é um tecno-côco-eletro-ragga-pop, seguido por 'Parque Pithon', que lembra o nome original do Parque da Cidade, uma levada espacial de melodia grega com proporções apoteóticas. O encerramento dá-se com o jazz-samba 'Voadeira swing', com direito ao vocal em scat de André “Móveis” Gonzales, no melhor estilo “...if it ain`t got that swing...”.

O disco tem produção artística do Sistema Criolina – Barata, Pezão e Oops – e produção musical de Xande. Ouça sem moderação!

2013 Space Night Love Dance Laser

1. Ivani 2000
2. Mariola
3. Chove no eixinho
4. Pequi week bar
5. Tema do Aparelhinho
6. Lambada classe A
7. Amor demais
8. Wata côco
9. Parque Pithon
10. Voadeira swing

Nenhum comentário: