SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

domingo, 23 de dezembro de 2012

...E LA VEM ELLEN OLÉRIA NA SUA ORELHA

O álbum de estréia de Ellen Oléria é uma obra singular, que reflete toda a trajetória dessa bela cantora de ébano.

 
Antes de arrebatar o público do programa 'The Voice Brasil', Ellen Oléria já fazia sucesso no circuito festivo de Brasília, antes mesmo de lançar o primeiro disco, 'Peça', em 2009. Na sequência ela lançou um dvd ao vivo, com o aclamado show do álbum de estréia, e participações de EMICIDA e Hamilton Holanda.

No disco 'Peça', Ellen apresenta uma série de baladas autorais, que refletem um período intenso de composições. O disco abre com 'Posso perguntar?', que enaltece o cerrado do Distrito Federal, com a guitarra jazzística de Rodrigo Bezerra, produtor do álbum. 'Mandala' segue enaltecendo o cerrado de “poeira vermelha”.

“Alô, alô, som!” é o cântigo que inicia a faixa 'Testando', onde ela entoa a famosa frase de que sua “voz transcende sua envergadura. Conhece a carne fraca? Eu sou do tipo carne dura”. Ellen declama com muita maturidade a consciência negra e segue desconstruindo o estereotipo dos negros no Brasil. Em 'Senzala (A feira da Ceilândia)', Ellen faz uma bela crônica cotidiana da feira em questão.

Em 'Brado', Ellen solta seu canto de pássaro de “quando o som se cala”, mesmo sendo impossível com essa bela cantora. 'Ato II' apresenta Ellen entre estalactites, pestes perestróikas e rochas magmáticas. 'Só pra constar' é uma quase bossa nova na forma de um samba sublime.

'Natural luz' representa o momento intimista de Ellen na voz e violão. Uma melodia que reflete alguns dos temas corriqueiros de Brasília, como a Avenida das Palmeiras em Taguatinga, ipês amarelos e a cor do cerrado emitindo a luz natural da cidade. 'Não-lugar' representa o sentimento de distância na forma poética, que só Ellen sabe fazer.

'Forró de tamanco' é uma canção de memória afetiva, que evoca o semblante do sr. Adalvêncio, pai de Ellen, que toca sanfona em 'Prólogo', faixa que antecede a canção de Antônio Barros e Cecéu. O disco encerra com 'Pedro falando com o reflexo', seguida pelo remix e 'Senzala' com participação especial do rapper GoG.

A banda que gravou o disco com Ellen, recebeu o nome de Pret.utu e continua a acompanhar a cantora em suas apresentações – agora pelo país inteiro – com Paula Zimbres no baixo, Celio Maciel na bateria, Felipe Viegas nos teclados, Pedro Martins na guitarra (Rodrigo Bezerra gravou o disco) e Leo Barbosa na percussão.

Impossível não se regozijar-se e sentir-se plenamente curado pela voz da Ellen Oléria.

2009 Peça

1. Posso perguntar?
2. Mandala
3. Testando
4. Senzala (A feira da Ceilândia)
5. Brado
6. Ato II
7. Só pra constar
8. Natural luz
9. Não-lugar
10. Prólogo
11. Forró de tamanco
12. Pedro falando com o reflexo
13. Senzala Remix (& GoG) ....

3 comentários:

Edson d'Aquino disse...

Falaê, Brunão, O Oráculo!!!!
Me lembro perfeitamente quando conheci a linda negona pelo intermédio do Eu Ovo e até hoje tenho CDzinho dessa 'Peça'. Não acompanhei o The Voice Br pq já acompanho o norte-americano desde a 1ª temporada, pela pobreza da produção tupiniquim e 3 de 4 'coaches' dificílimos de engolir.
Eu costumo torcer para que meus prediletos não vençam mas fiquem entre os 3 primeiros pois a pressão sobre o vencedor é enorme e, fatalmente, será engolido pela indústria. Como se comportará Oléria?
[]ões

Eu Ovo disse...

mas a ellen é fodona!
torço pra ela aproveitar o contrato com a universal para um disco apenas - e que os próximos sejam independentes.... ninguém merece ficar atrelado numa gravadora nos dias de hj.....
sem falar a pressao....
abs

Eu Ovo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.