SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

domingo, 9 de agosto de 2015

SPACE CHARANGA MEETS HOUSE OF FRANÇA

A 'Espetacular Charanga do França' volta como 'Space Charanga', logo após ter animado o carnaval de rua paulistano.  


Thiago França lançou um o 'Space Charanga', como um surpreendente desdobramento de sua 'Incrível Charanga': primeiro no compacto 'A Espetacular Charanga do França Ataca Novamente' e depois no bloco carnavalesco da 'Charanga'.

Uma banda de improviso jazzistico que faz um som inexplicável e extremamente difícil de rotular, que poderia ser nomeado como um “jazz-espacial-do-mal”.

Com o próprio Thiago França como comandante, compositor e arranjador e ainda solista nos saxs alto e tenor. O resto do naipe formado por Anderson Quevedo no barítono e percusões, Amilcar Rodrigues no trompete e flughel, Allan Abbadia no trombone e percussões e com Juliana Perdigão no clarone nas canções 'Abdu' e 'Moacíria'.

Com diversos climas, o Thiago França criou um mosaico de influências, seja do ethio-jazz em 'Abdu', nos improvisos malucos jazzisticos da faixa de abertura 'Ngoloxi/ R.A.N.', sigla para “rhythm and noise” (ritmo e poesia em português).

'Fakechá' é a única canção que o França divide a autoria com Daniel Bozzio e Marcelo Cabral, que também integra a 'Space Charanga' tocando baixo acústico e percussão. A canção, que é um reggae-jazzistico-espacial logo é seguida pelo ska-ficção-científica de 'Conta'.

Um dos motivos singelos do disco vem com o delicado dueto entre percussão e saxofone de 'Enquanto ficamos sem água', que sugere o momento em que foi gravada... ou composta... ou não...

'Cerca Lourenço' é um samba-noise cheio de energia com um excelente trabalho de bateria de Sergio Machado. O álbum encerra com o solo de França no chorinho delicado 'Tão rápido quanto uma paixão de metrô'.

2015 Space Charanga – R.A.N.

1. Ngoloxi/ R.A.N.
2. Abdu
3. Enquanto ficamos sem água
4. Fakechá
5. Conta
6. Moacíria
7. Cerca Lourenço
8. Tão rápido quanto uma paixão de metrô

Nenhum comentário: