SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

segunda-feira, 2 de julho de 2007

MINHA VIDA PÓS RAMONES

Douglas Glen Colvin nasceu em Berlim em 1952, e cresceu numa Alemanha devastada pela segunda guerra. Aos 14 anos se mudou com a mãe para os Estados Unidos, e passou a adolescência num subúrbio de Nova Iorque.

No final dos anos 70, a discoteca imperava nas radio, clubes, boates em todos Estados Unidos. O mais apropriado era encontrar Douglas, apelidado de Dee Dee, nos inferninhos, assistindo shows dos Stooges e New York Dolls.

Juntamente com seus colegas de farra, Joey, Johnny e Tommy, Dee Dee formou os Ramones. Como nenhum dos integrantes da banda, sabia tocar decentemente algum instrumento, eles criavam músicas de três acordes e praticamente reinventaram o punk-rock.

Na época, o maior expoente do punk-rock era os Stooges e sua iguana Iggy Pop. Os New York Dolls faziam uma mistura de glam-rock com punk-rock. Dee Dee chegou a usar roupas glam-rock, como sapatos de plataforma, calças de veludo e plumas e paetês, mas quando criou os Ramones adotou o estilo de jeans rasgados e cabelinho cortado redondinho.

O punk-rock feito pelos Ramones foi uma grata surpresa aos jovens da época e apesar de muitos acreditarem que o Sex Pistols foi o precursor do movimento punk, Sid Vicious não passava de um clone mal feito de Dee Dee Ramone. Quando os Pistols ainda eram uma bandinha de garagem, os Ramones já rodavam a Europa em turnê, e foi num desses shows que Sid Vicious ficou seguindo Dee Dee por todo canto como um fã embasbacado.

Todos integrantes dos Ramones, utilizavam o nome da banda como sobrenome, e mesmo após a separação do grupo, Dee Dee continuou a usar o sobrenome. Dee Dee era praticamente o compositor da banda, mas se sentia pressionado pelas extensas turnês e compromisso da banda. O vício em heroína também influencio a sua saída da banda.

No meio da turnê do disco Brain Drain de 1989, Dee Dee deixou a banda. Antes, em 87, Dee Dee havia tentado uma carreira como rapper, e com o sobrenome King lançou o compacto Funky Man, e depois com o álbum Standing in the spotlight. Não é preciso dizer que a carreira de rapper foi curta e fracassada. Graças ao bom Deus!

Em 1993, quatro anos após sua saída dos Ramones e o fracasso como rapper, Dee Dee lançou um compacto com a sua própria banda, chamada de Chinese Dragons. No ano seguinte, 94, lançou outro compacto chamado Chinese Bitch e depois o LP I hate freaks like you, com o grupo ICLC, que significava Inter-Celestial Light Commune, que em português é Comuna Leve e Inter-celestial.

Em 96, Dee Dee gravou o disco Last Race, com Johnny Thunders dos Heartbreakers, na guitarra e Stiv Bators nos vocais. Após isso veio Zonked, que saiu com o título Ain’t it fun no mercado europeu, e também teve uma faixa bônus, Please kill me.

Em 99, com o fim dos Ramones, Dee Dee se juntou a Marky Ramone, baterista que substituiu Tommy, e CJ Ramone, o próprio baixista que tocou baixo nos Ramones após sua saída da banda, e juntos gravaram um disco ao vivo em Nova Iorque, como os Ramainz, numa alusão a remains, que em português quer dizer literalmente restos, ou como gostamos de lembrar, remanescentes.

Depois disso, Dee Dee lançou Hop Around e Greatest & Latest em 2000, e um outro compacto junto com a banda Terrogroupe, em 2002. Dee Dee morreu de overdose de heroína no dia cinco de junho de 2002. Ele foi encontrado em casa, já desfalecido, pela mulher Bárbara Zampini.

Em 2003, a banda Youth Gone Mad lançou o disco de mesmo título, com participação de Dee Dee Ramone, na guitarra em todas as faixas, baixo em uma delas e vocais em duas outras. Apesar de ter morrido um ano antes, Dee Dee já havia deixado gravadas as faixas deste álbum, que ficou como um disco póstumo.

Em outras mídias, Dee Dee lançou três livros, o primeiro Coração Envenenado, Minha Vida com os Ramones, em parceria com Verônica Koffman. Este livro conta sua autobiografia, da mesma forma que uma canção dos Ramones. Curto e grosso.

Outros livros lançados por Dee Dee, foram Chelsea Horror Hospital, e Legend of a Rock Star, ambos sem tradução em português.

1987 Dee Dee King – Funky Man

1. Funky Man
http://www.mediafire.com/?1emmqkynqq3

1989 Dee Dee King – Standing in the Spotlight

1. Mashed potato time
2. 2 Much 2 drink
3. Baby doll
4. Poor little rich girl
5. Commotion in the ocean
6. German kid
7. Brooklyn babe
8. Emergency
9. The crusher
10. I wan't what want when I want it

1993 Dee Dee Ramone & The Chinese Dragons

1. What about me
2. Chatterbox

1994 Chinese Bitch (EP)

1. Chinese bitch
2. I don't wanna get involved with you
3. That's what everybody else does
4. We're a creepy family

1994 I Hate Freaks Like You (ICLC)

1. I'm making monsters for my friends
2. Don't look in my window
3. Chinese bitch
4. It's not for me to know
5. Runaway
6. All's quiet on the eastern front
7. I hate it
8. Life is like a little smart alleck
9. I hate creeps like you
10. Trust me
11. Curse on me
12. I'm seeing strawberry's again
13. Lass Mich in Ruhe
14. I'm making monsters for my friends

1996 Last Race (With Stiv Bator & Johnny Thunder)

1. Poison heart
2. Nobody
3. Don't go away
4. You must be a witch
5. Good lovin
6. Magyk
7. Yesterdays
8. Two hearts

1997 Zonked (Ain't it Fun)

1. I'm zonked, Los hombres
2. Fix yourself up
3. I am seeing UFOs (& Joey Ramone)
4. Get off of the scene
5. Never never again
6. Bad horoscope (& Lux Interior)
7. It's so bizarre
8. Get out of my room
9. Someone who don't fit in
10. Victim of society
11. My Chico
12. Disguises
13. Why is everybody always against Germany?
14. Please kill me (Bônus track)

1999 Ramainz – Live In NYC

1. Rockaway beach
2. Commando
3. I don't care
4. Teenage lobotomy
5. Beat on the brat
6. Chinese rocks
7.. Rock ’n’ roll vacation in LA
8. Listen to my heart
9. I don't wanna walk around with you
10. I wanna be sedated
11. Cretin hop
12. Hop around
13. Sheena is a punk rocker
14. I just want to have something to do
15. Gimme gimme shock treatment
16. Wart hog
17. Chainsaw
18. Judy is a punk
19. Loudmouth
20. Blitzkrieg bop
21. 53rd & 3rd

2000 Greatest & Latest

1. Blitzkrieg bop
2. Time bomb
3. Sheena is a punk rocker
4. Shaking all over
5. I wanna be sedated
6. Cretin hop
7. Teenage lobotomy
8. Gimme gimme shock treatment
9. Motorbikin'
10. Come on now
11. Cathy's clown
12. Pinhead
13. Rockaway beach
14. Fix yourself up
15. Sidewalk surfin'
16. Beat on the brat
17. Sidewalk surfin' (Instrumental version)

2000 Hop Around

1. I don’t wanna die in the basement
2. Mental patient
3. Now I wanna be sedated
4. Rock ’n’ roll vacation in LA
5. Get out of this house
6. 38th and 8th
7. Nothin’
8. Hop around
9. What about me?
10. I saw a skull instead of my face
11. I wanna you
12. Master plan
13. Chinese rocks
14. Hurtin’ kind
15. I'm horrible

2002 Dee Dee Ramone & Terrorgruppe (EP)

1. I got a right to love her if I want to
2. Horror hospital
3. Dee Dee
4. Sunny

2003 Youth Gone Mad

1. Bego bago
2. False alarm
3. I gotta right to love her
4. I kill you
5. You guys ready
6. Blitzkrieg bop
7. Horror hospital
8. Louse
9. Rock ’n’ roll

http://www.mediafire.com/?7j1nt1yvujm

9 comentários:

Neide disse...

Olá,

resolvi dar uma passadinha por aqui pra te agradecer pelos comentários simpáticos (e engraçados...rss) lá no post do Serpieri. A parte IV finalmente vai sair nas próximas horas, deu muito trabalho, pois tive que vasculhar as gibitecas virtuais obscuras do leste europeu, mas consegui achar as capas que queria. Ela terá um conteúdo um pouco mais histórico, mostrando os artistas que influenciaram o traço do Serpieri, até chegar onde chegou.´
E, é claro, a primeira edição da Druuna para download.
Parabéns pelo seu blog, como eu já tinha dito em outro comentário (só não me lembro de qual post) já baixei ótimos trabalhos daqui, muito obrigada por tudo.

Um abraço!

Bruno Marcel disse...

Velho, sem palavras pra esse post! Magnífico! Arrebentaram! Parabéns...

Nico disse...

Ótimo post. parabés.
só uma coisinha. quem toca baixo no ao vivo aquele em NY dos Ramainz é a Barbara Zampini, mulher do Dee Dee.
De qualquer forma foi um ótimo post. Queria baixar o tal disco de rap mas já expirou.. salve dee dee.
abs

Eu Ovo disse...

Nico,
vc tem razão quanto a barbara mulher do Dee Dee - mas eu tinha resolvido não entrar em detalhes no texto.

quanto ao link do disco de rap do Dee Dee - pode ir ver que está atualizado.

mas vou logo avisando - é ruim de dar dó do pobre maluco de coração envenenado.

abs

Nico disse...

heheheh. valeu pelo link. estou baixando aqui. se é ruim pelo menos deve ser bem curioso. abs

Anônimo disse...

não consigo baixar hop around e youth gone mad se for possivel mande parao seguinte e-mail:
punk_onepiece@yahoo.com.br

Eu Ovo disse...

LINKS ATUALIZADOS

Luiz Fernando disse...

Opa só ressaltando o erro quanto ao album do Ramainz, nao foi uma questao de nao entrar em detalhes, a questão é que CJ Ramone nao fazia parte do Ramainz, q era um trio (Barbara,Marky, Dee Dee)
Muito bom os links, parabens!
Gabba Gabba Hey

aerson colvin disse...

cara, valeu pela visita no RamonesON, este blog já está relacionado lá ;)
______________________________

visite: www.ramoneson.blogspot.com