SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

domingo, 17 de abril de 2011

SIGA O SOL E VÁ EM FRENTE


‘Há-Ono-Beko’ que dizer”siga o sol e váem frente” na língua do povo Kelú do Gabão. A banda lançou o primeiro disco em 1999, e chamava a atenção pela inventividade de Junai Gonzaga, que construía instrumentos musicais, de percussão e sopro, com materiais recicláveis.

Nessa época, final dos anos 90, a banda fazia parte do novo boom de bandas brasilienses, que incluía ‘Os Cachorros das Cachorras’, ‘Xalé Verde’, ‘A Tuba Antiatômica do Planalto’, entre outras.

Demoraram 10 anos para a banda lançar o segundo, e lendário, álbum. Um disco que havia se tornado mitológico, e tinha todo tipo de lenda e histórias em volta desse lançamento. Há anos era aguardado e esperado, mas nunca ficava pronto. Muita gente nem acreditava mais que algum dia o disco iria sair.

Mas enfim, em 2009, a banda lançou o tão aguardado segundo disco. Com uma formação ligeiramente diferente, mas com os integrantes fundamentais, como Junai Gonzaga, Kaju e Dred, que são a espinha dorsal do ‘Há-Ono-Beko’.

A banda sempre mesclou a música pop, com cantigos indígenas, e batucadas do cerrado, com instrumentos fabricados por eles mesmos. Essas características ficam mais evidentes no segundo disco, ‘O Lado Bom’, que mais parece ter sido dividido em lado A e lado B. Com o lado A destinado às canções mais pops, capitaneadas por Dred, e o lado B mais roots do Junai e Kaju. Aproveitem o sol e vão em frente!!!

1999 Há-Ono-Beko

1. Batuque da tribo
2. 500 anos de quê?
3. Menino do pé pequeno
4. Ciranda
5. Ha-Ono-Beko pelo povo
6. Grooveando
7. A parada ainda existe
8. Homenagem aos mestres
9. Caravana
10. Basta
11. Boi Cabrunco
12. Batida raiz
13. Semeador

Abaixar

2009 O Lado Bom

1. Filho de Xangô
2. O lado bom intro
3. O lado bom
4. Arawê
5. Verão chuva
6. Cor de lata
7. Introvibe
8. Relampeio
9. Força
10. Pense na vida
11. Preto veio
12. Chame as sementes
13. Criança africana
14. Batukindjena
15. Sir Andaluz
16. Viagem pelo cerrado
17. Radio Kesoh

2 comentários:

CARLOS disse...

Cara! o som desses caras é muito ruin! será que eles venderam algum album? nem de graça...

Eu Ovo disse...

_que deselegante - diria a Sandra Annemberg do JH, em relação a este comentário.