SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

segunda-feira, 30 de maio de 2016

A CANTORA, O GUITARRISTA E O SAXOFONISTA

Banda com Juçara Marçal, Kiko Dinucci e Thiago França lança terceiro álbum e desponta no cenário internacional.


O 'Metá Metá' é pura força do candomblé! Uma noite no terreiro! As performances ao vivo são de força e energia. Neste terceiro álbum a banda captura em estúdio a potência sonora das apoteóticas apresentações.

Dessa vez o 'Metá Metá' brinca com a escala da música árabe, influência da turnê marroquinha, que levou a banda a tocar na capital Rabat. Intitulado 'MM3', o novo disco potencializa a agressividade alcançada pela banda nas performances e canaliza tudo nas nove faixas.

'Três amigos' abre o álbum preconizando as três partes da 'Metá Metá' – Juçara Marçal no vocal, Kiko Dinucci na guitarra e Thiago França no saxofone – hoje os três recebem auxílio de Sergio Machado na bateria e Marcelo Cabral no baixo. Todos juntos fizeram os arranjos do novo álbum.

'Angoulême' trás a primeira parceria do trio, composta especialmente para este disco. Com forte pegada punk-rock a canção ainda trás experimentação sonora e vocal de Juçara Marçal – que iniciou a carreira no grupo vocal e agora pode ser considerada uma das maiores cantoras brasileiras da atualidade. 

'Imagem e amor' é mais uma parceria de Kiko com Rodrigo Campos, que inicia delicadamente e logo se transforma em uma tensa experiência. “A imagem do amor não é pra qualquer um. Fere os olhos desleais, impele os imortais”, revela a letra. Onde a voz de Juçara ecoa através dos cânticos comuns na cultura popular árabe.

'Mano légua' é uma das mais lindas e brutas canções de todos os tempos – com o saxofone complementando o riff da guitarra enquanto contrapõe os vocais. Parceria de Juçara com Dinucci. 'Angolana' é mais uma parceria do trio e representa a canção mais popular do disco. A melodia dobrada pelo sax e vocal deixa à guitarra a função de criar uma linha narrativa e ao baixo a criação do clima de faroeste. Bonito solo apoteótico do França.

'Corpo vão' é mais uma parceria da cantora, do guitarrista e saxofonista. Como sempre, os vocais cumprem a função instrumental como um dos pontos de um triângulo equilátero, que se reforça na participação das cordas e sopros. 'Osanyin' evoca o senhor das folhas, que no candomblé é Ossain – o que era pra ser uma canção delicada vai se tornando pesada e criando clima até se encerrar suavemente.

'Toque certeiro' é uma parceria entre Siba e Kiko Dinucci e mostra nitidamente as influências africanas do cantor pernambucano e a veia sambista do compositor paulistano. Toda essa mistura para criar uma mistura entre o ritmo tradicional de Mali, o afrobeat da Nigéria com o samba brasileiro. A perfeita sincronia entre os vértices deste triângulo impressionam e impregnam os sentidos de quem percebe além do hermetismo.

'Obá Koso' quer dizer “Rei Koso” em iorubá e representa a lenda do menino rei. Uma bela canção representante do Candomblé Ketu. Com esse sentimento o 'Metá Metá' encerra o álbum mais pesado de sua carreira. Oxalá venham muitos outros pesados, leves, tortos ou mais tortos... Axé!

2016 MM3

1. Três amigos
2. Angoulême
3. Imagem e amor
4. Mano Légua
5. Angolana
6. Corpo vão
7. Osanyin
8. Toque certeiro
9. Obá Koso

Nenhum comentário: