SALVE EUOVO!!!

Sempre houve a intenção de transformar o blogui em site, rádio on-line e tudo mais. Mas para esta tarefa é necessário suporte financeiro.

Para isso o blogui abre esta campanha de financiamento colaborativo que vai garantir a manutenção e quiçá sua transformação em site etc.

Sua contribuição vai ajudar a manter postagens semanais sobre os mais variados artistas com álbuns em download gratuito, dicas sobre discos a baixar, podcasts, novos lançamentos em streaming, retrospectivas e listas de melhores discos de cada ano – incluíndo listas de melhores álbuns dos anos passados como por exemplo 1964, 1999, 1986, 1971 entre outros anos.

Por isso o blogui encerra este período de hiato na esperança de alcançar o aporte financeiro necessário para dar continuação aos trabalhos por mais um ano.

Então para manter o blogui ativo... Siga o site vakinha e contribua neste processo.

Quando atingirmos a meta... Vamos dobrar a meta... E ai quem sabe? Venha um site... Uma radio on-line... Canal no youtube... E tudo mais... Valeu!!!

quarta-feira, 18 de outubro de 2006

THE BLUES BROTHERS

O que se pode dizer de um grupo tão extraordinário como The Blues Brothers Band. Originalmente formado por Dan Aykroyd e John Belushi, os dois comediantes criaram um esquete para o programa Saturday Night Live da televisão norte-americana.

Na primeira aparição, a dupla vestiu uma roupa de abelhinha e cantou “I’m a king bee” (“Sou uma abelha-rainha” em português), música de Muddy Waters, eternizada na voz de Mick Jagger no segundo disco dos Rolling Stones de 1964.

No início, os dois comediantes tocavam com os integrantes da banda do programa Saturday Night Live, entre eles, Paul Shaffer nos teclados, Lou Marini no saxofone-alto, Tom Scott no tenor, Tom Malone no trombone e Alan Rubin no trumpete.

A idéia para um show de ano novo partiu da popularidade do quadro, dos irmãos blues, mais conhecidos como “Blues Brothers”. Paul Shaffer ajudou os irmãos blues a escolherem o resto da banda.

Eles convidaram os guitarristas Matt Murphy e Steve Cropper, famosos por tocarem em bandas soul dos anos 60 e o legendário baixista Donald Dunn, que havia marcado o ritmo para ninguém menos que Otis Redding. Na bateria chamaram Steve Jordan, ele não é parente... O show aconteceu no Winterland Ballroom em São Fancisco no ano novo de 1977. Foi apenas um show de abertura para um espetáculo do comediante Steve Martin, e chamou atenção de diversos atores famosos, entre eles Jack Nicholson, que ficou pasmo com a performance da banda.

O show foi lançado em 1978 com o nome “Briefcase full of blues”, e foi um sucesso de vendas. O mesmo show virou um disco pirata com o nome “Live on new year's eve”, ou “Live at Winterland”. Este disco pode ser encontrado no site “Blues Brothers Central”. O fato impulsionou Dan Aykroyd a escrever um roteiro com a dupla como personagens principais. O roteiro foi lapidado por John Landis, que vinha do sucesso de “Clube dos cafajestes” (“Animal house” em inglês), e conseguiu financiamento e a confirmação de várias estrelas da música soul norte-americana.

O filme foi um sucesso e gerou uma continuação sem o mesmo sucesso, rendendo também inúmeros discos com a banda. Como curiosidade, no filme Tom Scott, saxofonista da banda não conseguiu liberação de sua imagem e não gravou nenhuma cena. Porém, as músicas foram gravadas com dois saxofones e no filme só aparece um saxofonista. Outro fato curioso, é que Paul Shaffer, que era o pianista oficial dos Blues Brothers também não conseguiu liberação para aparecer no filme, e quem apareceu em seu lugar foi Murphy Dunne, que ficou famoso como o pianista dos Blues Brothers. Paul Shaffer toca piano no programa de entrevista de David Letterman. Sim, ele é aquele carequinha de voz rouca, que também marcou presença na continuação “Blues Brothers 2000”, também dirigida por John Landis em 98.

Pra quem não curte blues ou jazz, como aula inaugural eu recomendo a audição de “Sweet home Chicago”. Prestando atenção no primeiro solo, o de guitarra, depois Aykroyd e Belushi cantam novamente o refrão e entra o solo de saxofone-tenor de Tom Scott. Depois de tanta barulheira, Alan Rubin entra com seu trumpete apavorando, seguido pelo saxofone-alto de Lou Marini. Murphy Dunne segue solando no piano e depois a metaleira toma conta da música. Se você espera que eu termine a resenha com o final apoteótico da música de oito minutos, se enganou.

Ainda peço uma segunda audição, mas desta vez abaixe os agudos e aumente os graves de seu radinho. Preste atenção na maestria do baixo de Donald Dunn. Preste atenção na hora do solo de saxofone-alto, depois na entrada do piano e quanto a banda toda se junta é o baixo quem comanda. Se você prestar bem atenção, na música inteira, vai reparar muito bem que é o baixo quem comanda a música do início ao fim. Daí pra perceber o motivo porque o próprio John Belushi anunciava Dunn nos shows como o melhor baixista do mundo. Exageros a parte, mas essa afirmação tem um pouco de verdade.

Depois do filme, os Blues Brothers lançaram outro disco ao vivo em 1980 ainda com John Belushi, e um compacto no mesmo ano contendo duas músicas inéditas gravadas em estúdio, “Excusez moi mon cherrie” e “Expressway to your heart”.

John Belushi morreu, levando com ele os sonhos dos fãs do som da banda e da dupla de comediantes, de um dia verem uma seqüência do filme, com os irmãos blues originais. Dez anos depois a banda se reuniu no disco “Ao vivo em Montreux”, com Larry Thurston e Eddie Floyd nos vocais, mas o instrumental era o mesmo, com exceção de Leon Pendarvis nos teclados e Danny Gottlieb na bateria. Dois anos depois, em 1992, a banda lançou um disco de estúdio, “Red, white & blues”, também com Thurston e Floyd nos vocais e a participação do próprio Dan Aykroyd tocando harmônica e cantando algumas canções. Em 1997 Dan Aykroyd se uniu ao irmão de John, Jim Belushi, e tocaram ao vivo no House of Blues em Chicaco. O show virou disco, também com Floyd e Tommy McDonnell nos vocais, e foi muito bem recebido pela crítica. Em 1998 o segundo filme veio, trazendo a participação de John Goodman, Joe Morton e Evan Bonifant nos vocais. Eddie Floyd aparece como convidado, ao lado de Johnny Lang, B.B. King, Sam Moore, Wilson Picket, Erykah Badu e os habituais James Brown e Aretha Franklin. No ano seguinte John Goodman, Jim Belushi e Dan Aykroyd tocaram juntos no House of Blues de Las Vegas.

Assim como o disco ao vivo de 1978, outras gravações piratas podem ser encontradas no site “Blues Brothers Central”. O show “Live at Universal Amphitheatre”, de 1980, e a apresentação de 1992 “Blues for you”, com Larry Thurston e Eddie Floyd nos vocais. O registro do show em 1999, “Live from House of Blues in Las Vegas”, com Jim Belushi, Dan Aykroyd e John Goodman nos vocais, também pode ser encontrado.


BLUES BROTHERS AT SATURDAY NIGHT LIVE


Blues Brothers – I’m a king bee

http://www.4shared.com/file/9283442/5c163324/1978_The_Blues_Brothers_Band_-_King_Bee_at_SNL.html

1978 BRIEFCASE FULL OF BLUES

1. Opening_I can't turn you loose
2. Hey bartender
3. Messin' with the kid
4. Almost
5. Rubber biscuit
6. Shotgun blues
7. Groove me
8. I don't know
9. Soul man
10. 'B' movie box car blues
11. Flip, flop & fly
12. Closing_I can't turn you loose
http://www.4shared.com/file/17246720/f2ad9075/1978_Briefcase_Full_of_Blues.html

1980 BLUES BROTHERS ORIGINAL SOUNDTRACK

1. She caught the Katy
2. Peter Gunn theme
3. Gimmie some lovin’
4. Shake your tailfeather (Com Ray Charles)
5. Everybody needs somebody to love
6. We're on a mission from God. (Dialogue with Dan Aykroyd)*
7. The old landmark (Com James Brown)
8. Think (Com Aretha Franklin)
9. Rawhide theme
10. Minnie the moocher (Com Cab Calloway)
11. It's 106 miles to Chicago (Dialogue with Dan Aykroyd)*
12. Sweet home Chicago
13. Jailhouse rock
14. Stand by your man*
15. Sink the Bismarck*
16. Cuando, cuando, cuando (Com Murph and The Magic Tones)*
17. Boom boom (John Lee Hooker)*
18. Everybody needs somebody to love (Extended version)*

*O disco original da trilha Sonora encerra em “Jailhouse rock”, mas houve uma liberdade de incluir, “Stand by your man” tocada no filme após o tema de Rawride, “Sink the Bismark” foi excluída do roteiro, após ser gravada, “Cuando, cuando, cuando”, foi a música que os integrantes do Blues Brothers tocavam no inferninho, com a banda Murph and The Magic Tones, “Boom boom” é tocada por John Lee Hooker no meio da rua e assistida pelos irmãos blues, e a versão dos créditos de “Everybody needs somebody to love”. Houve também a liberdade de incluir diálogos originais do filme. Todas as músicas e os diálogos podem ser encontrados no site “Blues Brothers Central".

http://www.4shared.com/file/9282380/a35e6ce4/1980_Blues_Brothers_Original_Soundtrack.html

1980 MADE IN AMERICA

1. Soulfinger
2. Who's making love
3. Do you love me (Including 'mother popcorn (You got to have a mother for me))
4. Guilty
5. The Perry Mason theme
6. Riot in cell block number nine
7. Green onions
8. I ain’t got you
9. From the bottom
10. Going back to Miami

http://www.4shared.com/file/9283394/594fed9/1980_Made_in_America.html

1980 SINGLE

1. Excusez moi mon cherrie
2. Expressway to your heart

http://www.4shared.com/file/9283435/8d333040/1980_Single.html

1990 LIVE IN MONTREUX


1. Hold on I'm comin'
2. In the midnight hour
3. She caught the Katy
4. The thrill is gone
5. I can't turn you loose
6. Sweet home Chicago
7. Knock on wood
8. Raise your hand
9. Peter Gunn theme
10. Soulfinger
11. Hey bartender
12. Soul man
13. Everybody needs somebody to love
14. Green onions

http://www.4shared.com/file/9286086/c719e0df/1990_Live_in_Montreux_Part_1.html
http://www.4shared.com/file/9286668/baaf9ce4/1990_Live_in_Montreux_Part_3.html


1997 RED, WHITE & BLUES

1. You got the bucks
2. Red, white & blues
3. Can't play the blues (In air-conditioned room)
4. Early in the morning
5. One track train
6. Boogie thing
7. Never found a girl
8. Trick bag
9. Take you and show you
10. Big bird

http://www.4shared.com/file/9284182/6bbf867a/1992_Red_Wthite__Blues.html

1997 LIVE FROM CHICAGO’S HOUSE OF BLUES

1. Intro
2. Green onions
3. Chicken shack
4. Sweet home Chicago
5. I wish you would
6. Messin' with the kid
7. All my money back
8. Born in chicago
9. Blues, why you worry me?
10. Groove with me tonight
11. 634-5789
12. All she wants to do is rock
13. Flip, flop & fly
14. Money (That's what I want)
15. Viva Las Vegas

http://www.4shared.com/file/9284679/7eba55b8/1997_Live_from_Chicagos_House_of_Blues_Part_1.html
http://www.4shared.com/file/9285111/9bc80bec/1997_Live_from_Chicagos_House_of_Blues_Part_2.html

1998 BLUES BROTHERS 2000 ORIGINAL SOUNDTRACK

1. Born in Chicago (Com The Paul Butterfield Blues Band)
2. The blues don't bother me (Com Matt ‘Guitar’ Murphy)
3. Hamonica musings (Com John Popper)
4. Cheaper to keep her
5. Perry Mason theme
6. Looking for a fox
7. I can’t turn you loose
8. Respect (Com Aretha Franklin)
9. 634-5789 (Com Wilson Picket, Eddie Floyd & Johnny Lang)
10. Maybe I'm wrong (Com Blues Travelers)
11. Riders in the sky (A cowboy legend)
12. John the revelator (Com Sam Moore & James Brown)
13. Let there be drums (Com Carl La Fong Trio)
14. Season of the witch (Com Dr. John)
15. Funky Nassau (Com Erykah Baduh)
16. Hown blue can you get (Com Lousiana Gator Boys)
17. Turn on your lovelight
18. New Orleans
19. Been downhearted baby (Com Lousiana Gator Boys)*

*A música “Been downhearted baby” não foi incluída na trilha sonora original, mas foi tocada pela banda magnífica formada por Eric Clapton, Koko Taylor, Issac Hayes, Bo Diddley, Billy Preston, Joshua Redman, Charlie Musslewhite, Steve Winwood, Jimmie Vaughan, entre tantos outros medalhões do rythym blues. Eles foram os Louisiana Gator Boys.

http://www.4shared.com/file/9285407/6d7b5d73/1998_Blues_Brothers_2000_Original_Soundtrack_Part_1.html

Compre os CDs originais pelo site Blues Brothers Central.

10 comentários:

Anônimo disse...

Os arquivos foram apagados do rapdshare. Poderia colocá-los de novo?

luiz junior disse...

links expirados!!!
abraço inté!
junior.

Fred disse...

muito bom! primeira vez que ouvi fiquei impressionado com o som que desses caras.
Ah... Se eu não me engano tem até jogo lançado para o videogame Super Nintendo.

Parabéns pelo blog cara. Muito som e informação!

Marcello disse...

Me tire uma dúvida... não é nos irmãos cara de pau que a Aretha Franklin canta "if you go jack you don´t come back no more no more no more" ????

bostafritas disse...

Os links estão atualizados - podem baixar a vontade.
Marcelo, essa música que vc se refere é Hit the road Jack, com Ray Charles. Nem os Blues Brothers nem Aretha Franklin cantam essa música. Existe um arquivo mp3 na internet com o nome Blues Brothers - Hit the road Jack. Eu cheguei a baixá-lo na época do audiogalaxy, mas está errado. O certo é Ray Charles mesmo. Ray Charles canta com os Blues Brothers a música Shake a Tail Feather.

Albert Brave disse...

Muito Bom Mesmo vou baixar alguns!!!!
Valeu pela Força ae ....

Tuta Santos disse...

Muito obrigado amigo!

jopa disse...

De novo foram apagados! Será que poderia postá-los outra vez?
Porrrr favorrrr... (caramba fiquei super empolgado com este blog...)

marcelo rockaholic pi disse...

Boa noite, estava tentando conseguir a trilha do the blues brothers 2000 mas está deletada . poderia repostar essa preciosidade???? Agradeço muito. Se puder repostar me av ise por favor ok. meu nome Marcelo e meu email : mrclplh@gmail .

Eu Ovo disse...

Geralmente quando os links expiram é por causa dos direitos autorais.
mas sempre existem links disponíveis por ai...
num busca rápida pelo google eu achei esse aqui.
http://www.mediafire.com/?bzgigby24g2
é da trilha sonora do 2000.
nem baixei... e nem busquei os outros - mas é só digitar no google que encontra facil.